30.2 C
Tamboré
quinta-feira, 29 fevereiro 2024
Publicidade • Anuncie Aqui

Estado anuncia chamamento da OSS para gestão do Hospital Regional de Barueri em fevereiro

Publicidade • Anuncie Aqui

O chamamento público para a escolha da Organizações Sociais de Saúde (OSS) que fará a gestão do Hospital Regional de Barueri Rota dos Bandeirantes e a contratação dos colaboradores está programado para fevereiro. O prefeito Rubens Furlan deu a notícia em suas redes sociais, ao lado do secretário de Saúde do Estado, Eleuse Paiva, e do secretário municipal da Saúde, Milton Monti.

“No mês de fevereiro se inicia o processo de chamamento, vamos tentar o mais breve possível por essa estrutura do Hospital Regional para funcionar e atender o povo de Barueri e de toda a região. Essa é uma parceria muito importante entre o Governo do Estado e a Prefeitura”, disse.

Furlan disse que a notícia é boa. “Esse é um processo longo (o da contratação), mas é necessário, é como manda a lei”, ressaltou. O gestor ainda elogiou Eleuse pelo desempenho à frente da pasta.

Parceria entre prefeitura e Governo de SP

O hospital foi construído em um terreno de 64 mil metros quadrados, localizado na Avenida Aníbal Correia, entre os bairros Jardim Paulista e Parque Viana, abrangendo uma área construída de 41 mil metros quadrados, em uma estrutura metálica com fechamento em placas pré-moldadas.
A construção do hospital é fruto de uma parceria estabelecida em agosto de 2019 entre a Prefeitura de Barueri, que cedeu o terreno, desenvolveu o projeto e está investindo metade do valor da obra, e o governo estadual, responsável pela outra metade dos custos de construção e pelo funcionamento posterior da instituição. Até o momento, o Estado já destinou R$125 milhões ao município.

Estrutura

A estrutura do hospital compreenderá 360 leitos, oferecendo serviços de oncologia com quimioterapia e radioterapia, cardiologia, ortopedia, neurologia/ neurocirurgia e cirurgia bariátrica de alta e média complexidade, além de 442 vagas de estacionamento ao ar livre e 17 elevadores.

A estimativa da gestão é que o novo hospital tenha capacidade para realizar 1.100 internações e 580 cirurgias mensalmente.

Dentro do total de leitos planejados, 50 serão destinados a Unidades de Terapia Intensiva (UTI). O Hospital Regional contará também com oito salas cirúrgicas, 16 poltronas de quimioterapia, 20 consultórios, leitos de Recuperação Pós-Anestésica (RPA), Pronto Atendimento com 28 leitos de observação, hospital-dia com 20 leitos e salas equipadas com tomografia e ressonância magnética.

Adicionalmente, o hospital estará equipado com tecnologia de ponta, incluindo acelerador linear, hemodinâmica e equipamento completo e digital parque tecnológico.

Você sabia? O Jornal de Barueri também está no Google Notícias.
Inscreva-se agora e fique sempre atualizado com as últimas notícias.
show-notify-google-noticias

JB Stories

Leia Também

Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui

Leia Também