26.9 C
Tamboré
segunda-feira, 20 maio 2024
Home Segurança Polícia investiga suposto suicídio em prédio de Alphaville

Polícia investiga suposto suicídio em prédio de Alphaville

0
Polícia investiga suposto suicídio em prédio de Alphaville
Ocorrência aconteceu nesta manhã de quarta-feira (10) (Divulgação)

Na manhã desta quarta-feira (10), um homem caiu de um prédio em Alphaville localizado na Alameda Grajaú 248. A Polícia investiga o caso como suposto suicídio. A identidade e a idade da vítima não foram reveladas.

Ele foi socorrido para o Serviço de Assistência Médica de Barueri (SAMEB), mas não resistiu.

Segundo o DataSUS, nos últimos 20 anos, os suicídios subiram de 7 mil para 14 mil no Brasil, mais de um a cada hora. O número é maior do que mortes por acidentes de moto no mesmo período.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o aumento da depressão e ansiedade na pandemia é um dos principais fatores que levaram a esse aumento.

Segundo a entidade, os casos de transtornos de ansiedade no mundo aumentaram 25,6% e os de depressão 27,6% em 2020. Solidão, medo da morte, luto e preocupações financeiras são alguns dos principais motivos para a depressão.

Atendimento municipal

A Secretaria de Saúde de Barueri, por meio da Diretoria de Saúde Mental, conta com uma rede de apoio composta por uma equipe multiprofissional que faz o acolhimento e a escuta psicológica.

Casos de maior urgência, como surtos e tentativas de atentado contra a própria vida, podem ser levados diretamente a um dos Caps (Centros de Atenção Psicossocial) sem necessidade de agendamento. Barueri conta com o Caps Infantojuvenil (telefone 3164-9560), o Caps Adulto (telefone 3164-9562) e o Caps Álcool e Drogas (telefone 3164-9561).

Setembro Amarelo

No próximo mês, acontece a campanha Setembro Amarelo, que alerta sobre a importância de que o sofrimento psíquico é real e necessita de tratamento e de que o suicídio pode ser evitado com escuta qualificada e amparo. Não só este mês, mas durante todo o ano, quem necessita de apoio mental pode procurar a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima de casa e agendar atendimento.