28 C
Tamboré
domingo, 25 fevereiro 2024
Publicidade • Anuncie Aqui

Justiça de Barueri decreta prisão preventiva de braço direito de Marcola, o Dudinha

Publicidade • Anuncie Aqui

O Dudinha, conhecido como braço direito do Marcola, Marco Willians Herbas Camacho, líder máximo da organização criminosa PCC, teve sua prisão preventiva decretada na sexta-feira (15) pela 1ª Vara Federal de Barueri (SP).

O suspeito, Eduardo Marcos da Silva, foi preso na quinta-feira (14), em sua casa na cidade de Cotia, durante uma operação da Polícia Federal em São Paulo, que tinha como objetivo desarticular planos da facção paulista Primeiro Comando da Capital (PCC) para sequestrar políticos.

A Justiça tomou como base os dados encontrados nos telefones celulares apreendidos, a folha de antecedentes criminais e o patrimônio visivelmente incompatível com as atividades dele.

Durante a prisão, a polícia encontrou localizou na casa de Dudinha um esconderijo dentro do próprio guarda-roupas para armas e munições, como pistolas 9mm, de uso restrito. Os agentes também acharam um colete balístico e quatro veículos de luxo.

Operação Sequaz

A operação realizada na quinta-feira (14) é um desdobramento da Operação Sequaz, deflagrada em março deste ano. Na época, a Polícia descobriu um plano do PCC para sequestrar e matar servidores públicos e autoridades, entre eles, o ex-juiz e senador Sergio Moro (União Brasil-PR) e o promotor de justiça Lincoln Gakiya. Dudinha é suspeito de elaborar planos para sequestrar autoridades.

Você sabia? O Jornal de Barueri também está no Google Notícias.
Inscreva-se agora e fique sempre atualizado com as últimas notícias.
show-notify-publicidade-legal

JB Stories

Leia Também

Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui

Leia Também