20.9 C
Tamboré
sábado, 20 abril 2024
Publicidade • Anuncie Aqui

Rubens Furlan convoca a população de Barueri para o ‘exército contra a dengue’

Publicidade • Anuncie Aqui

Nesta segunda-feira (19), o prefeito de Barueri, Rubens Furlan, divulgou em suas redes sociais um vídeo onde convoca a população a integrar um ‘exército contra a dengue’, diante da escalada do número de casos no país.

Desde 1º de janeiro, 113 pessoas morreram em todo o país em decorrência de infecção por dengue. De acordo com o painel de monitoramento de arboviroses do Ministério da Saúde, há ainda 438 mortes em investigação para a doença. O mosquito Aedes aegypti é o principal vetor da dengue, por isso é importante tomar alguns cuidados para evitar sua proliferação (leia mais abaixo).

Os números mostram que, em menos de dois meses, o Brasil contabiliza 653.656 casos prováveis de dengue, o que leva a um coeficiente de incidência de 321,9 casos para cada grupo de 100 mil habitantes.

De acordo com o Painel de Monitoramento da Dengue, do governo do Estado, foram notificados 294 casos da doença em Barueri; 33 deles confirmados. Não há óbitos registrados no município. Em Santana de Parnaíba, uma morte por dengue está sendo investigada.”

Alerta para a população

“Estou aqui com todos os secretários nesta reunião, é um momento difícil na área da saúde, para o Brasil, a dengue está se alastrando e às vezes não há tanta preocupação da nossa população sobre o assunto”, alerta.

Para o gestor, é preciso declarar guerra contra a doença e cada secretário ser um “general” contra o avanço da dengue. “Eu peço a todos os cidadãos, às donas de casa, aos trabalhadores, que fiquem atentos ao seu quintal, aos locais que podem se transformar em criadouros de dengue. Não vamos permitir que a dengue avance na cidade como ocorre em nosso país”, finaliza.

Alerta para a população

As principais recomendações para a população são evitar água parada em recipientes como vasos de plantas, pneus velhos, tonéis d’água, piscinas, garrafas e vasilhames, entre outros para evitar os criadouros do Aedes aegypti; transmissor da doença. É preciso limpar periodicamente locais como lixeiras, ralos e outros objetos que possam acumular água; e, em caso de necessidade, solicitar mais informações na Divisão Técnica de Controle de Vetores/ DTCV – Combate à Dengue, pelos telefones 11 4198-5679 e 11 4198-0424.

Você sabia? O Jornal de Barueri também está no Google Notícias.
Inscreva-se agora e fique sempre atualizado com as últimas notícias.
show-notify-twitter

JB Stories

Leia Também

Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui

Leia Também