28 C
Tamboré
domingo, 25 fevereiro 2024
Publicidade • Anuncie Aqui

Com 3 a 0 em cima do Vôlei Barueri, Osasco conquista 6ª vitória consecutiva

Publicidade • Anuncie Aqui

Osasco São Cristóvão Saúde segue invencível na Superliga Bet7k em 2024. O time comandado pelo técnico Luizomar somou a sexta vitória consecutiva na noite desta sexta-feira (2), no Ginásio José Liberatti lotado. A equipe bateu o Barueri por 3 sets a 0, parciais 25/16, 25/22 e 25/17, em 1h18min, pela terceira rodada do returno da competição. Com o resultado, Camila Brait, Maira, Butler, Giovana, Tifanny, Lorenne e cia. seguem na vice-liderança, agora com 33 pontos, em 14 jogos. Barueri está em sétimo, e em 14 jogos pontuou 14 pontos.

Lorenne foi eleita a melhor em quadra e enalteceu a união e força da equipe. “Nós estamos unidas e trabalhando intensamente. Entendemos a necessidade de assumir uma postura positiva e ofensiva dentro de quadra pra chegar ao nosso objetivo, que é a final para lutar pelo título da Superliga”, comentou a oposta, maior pontuadora da partida com 15 acertos e que recebeu o troféu VivaVôlei.

Na próxima terça-feira (6), às 18h30, o time de Barueri recebe o Gerdau Minas no Sportville (Rua Mari, 100, Jardim Califórnia).

O jogo

Osasco não deu chances para Barueri na primeira etapa da partida. Consistente em todos os fundamentos, a equipe do técnico Luizomar foi abrindo vantagem, que chegou a dez pontos, como no 17/7. Lorenne marcou dois pontos seguidos (19/12 e 20/13) e Butler, na bola de xeque, após ataque de Amanda, deu números finais: 25/16.

A segunda parcial foi equilibrada nas “extremidades”. Barueri conseguiu se manter próximo do placar até Maira marcar em três ataques consecutivos e fazer 20/15. Na reta final, Osasco viu o adversário encostar. Luizomar pediu dois tempos seguidos no 24/21 (após as visitantes saírem do 18/24). E apesar do susto, as donas da casa fecharam por 25/22, novamente com bloqueio de Butler, repetindo o roteiro do primeiro set.

O saque foi o maior diferencial no terceiro set. Giovana abriu a parcial com um ace. Tifanny, com dois pontos diretos de saque fez 4/2. Callie, na bola de xeque, marcou 15/6. E Butler, com mais um ponto do serviço, levou o placar para 20/11. Sem erros e repetindo a eficiência no ataque e defesa, o match point veio com Mayara: 24/17. A vitória coube com a participação de Ana Luiza, filha de assistente técnico Jeferson Arosti, que fez sua estreia na equipe. A levantadora de 17 anos montou o bloqueio duplo com Butler que garantiu o 25/17.

Você sabia? O Jornal de Barueri também está no Google Notícias.
Inscreva-se agora e fique sempre atualizado com as últimas notícias.
show-notify-publicidade-legal

JB Stories

Leia Também

Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui

Leia Também