21.5 C
Tamboré
sábado, 2 março 2024
Publicidade • Anuncie Aqui

Barueri está entre as 10 cidades no país que mais investiram em assistência social

Publicidade • Anuncie Aqui

Levantamento divulgado no anuário MultiCidades – Finanças dos Municípios do Brasil, iniciativa da Frente Nacional de Prefeitas e Prefeitos (FNP), aponta as 10 cidades do Sudeste que mais destinaram recursos para assistência social em 2022. Barueri ficou com a 4ª colocação sobre os investimentos da região Sudeste na área e em 7º quando o recorte avaliado é em nível nacional (veja quadros abaixo). A capital São Paulo (SP), que ocupa o primeiro lugar do ranking na região e no país, investiu R$ 1,86 bilhão com a pauta no ano passado.

Em segundo lugar no ranking está o Rio de Janeiro (RJ), com R$ 895,3 milhões destinados à assistência social. Em terceiro aparece a capital Belo Horizonte (MG), com R$ 570,9 milhões.

Completam o ranking as cidades de Barueri em 4o, com R$ 242,1 milhões; Campinas, com R$220,1 milhões; Niterói, com R$ 191,2 milhões; São José dos Campos com R$ 99,5 milhões; Osasco, com R$98,9 milhões; São Caetano do Suk, com R$ 91,2 milhões; e Maricá, com R$ 90,9 milhões empenhados em assistência social em 2022.

Transparência das contas públicas

Realizado pela FNP, o anuário MultiCidades apresenta conteúdo técnico em linguagem amigável e é uma ferramenta de transparência das contas públicas, com dados do desempenho das cidades. A 19ª edição traz ainda um ranking nacional com valores per capita, dados sobre a evolução da pobreza e da extrema pobreza no país, um breve histórico sobre os programas federais Auxílio Brasil e Bolsa Família, além de muitos outros temas. A publicação conta com a consultoria da Aequus e o apoio de Dahua Technology, Febraban, BRB, BYD e Itaú.

O anuário completo pode ser conferido no site da FNP ou no Aequus.

Investimentos mantidos


A economista Tânia Villela destaca que, apesar da recuperação econômica e do arrefecimento da crise sanitária em 2021, os municípios brasileiros mantiveram elevados gastos sociais em 2022. A população em risco social, com renda per capita de até R$ 218, atingiu 60,1 milhões de pessoas, um aumento de 16,5% em relação a 2021

O Fundo Nacional de Assistência Social representou cerca de 10% das despesas municipais nessa área. Em média, os municípios destinaram R$ 318 por pessoa no Cadastro Único (CadÚnico). As regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste registraram valores per capita acima da média nacional, enquanto Nordeste e Norte apresentaram desembolsos mais baixos, refletindo as diferentes proporções de pessoas vulneráveis nessas regiões.


RANKING – AS 10 MAIORES DESPESAS MUNICIPAIS COM ASSISTÊNCIA SOCIAL DA REGIÃO SUDESTE EM 2022

RANKING – AS 10 MAIORES DESPESAS MUNICIPAIS COM ASSISTÊNCIA SOCIAL DO PAÍS EM 2022

Você sabia? O Jornal de Barueri também está no Google Notícias.
Inscreva-se agora e fique sempre atualizado com as últimas notícias.
show-notify-google-noticias

JB Stories

Leia Também

Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui
Publicidade • Anuncie Aqui

Leia Também