Barueri celebra o Dia da Cultura Popular Brasileira com festival online

0
534
Roda de conversa com Marcela Bonfim é destaque. (Foto: Divulgação)

Com conteúdos sobre diversidade cultural, evento será transmitido nas redes sociais

Para celebrar o Dia do Folclore, comemorado neste domingo (22), a Secretaria de Cultura e Turismo de Barueri anunciou o Festival da Cultura Popular Brasileira. O evento virtual, que teve início na sexta-feira (20), segue ao longo deste final de semana com uma programação repleta de lives, intervenções artísticas, bate-papos e rodas de conversa. 

Chamado de Festival Vitória Régia, o evento será transmitido por meio das redes sociais Cultura Barueri Oficial no Youtube e no Facebook, destacando o que há de melhor na região Norte do país. Dentre os destaques, as lives trarão conteúdos sobre diversidade cultural, envolvendo música, dança, religião, artesanato e culinária típica.

As atividades de sexta-feira (20) já estão disponíveis online. Confira a programação para os próximos dias:

Sábado (21)

Neste sábado, às 13h, a live será com Sâmia Maracaípe sobre a Treme Culinária Paraense, criada em 2015, que surgiu a partir da iniciativa de dois estudantes de pós-graduação paraense. Hoje a Treme atua com a importação de produtos de pequenas empresas do Pará e com a apresentação de alguns pratos típicos do Estado.

Já às 16h haverá uma roda de conversa com Ana Paula, do Espaço Cultural APOENA. Criado para promover e disseminar a cultura paraense como um todo. Realizando eventos culturais semanalmente, envolvendo grupos de carimbó, mestre das guitarradas, bandas autorais, artistas plásticos indígenas, entre outros.

Para encerrar, no dia 22, às 13h, haverá uma roda de conversa com Marcela Bonfim sobre o trabalho fotográfico “Amazônia Negra”. Marcela, conforme conta, adquiriu uma câmera fotográfica e no lugar das ideias deu espaço a imagens de uma Amazônia afastada das mentes do lado de fora, mas latentes aos lugares de dentro.

Domingo (22)

Para encerrar o Festival, o domingo terá atividades especiais sobre o folclore. Às 11h, o destaque fica por conta do Programa Culturinha. Por volta das 13h, haverá uma roda de conversa com Marcela Bonfim sobre o trabalho fotográfico “Amazônia Negra”. Marcela, conforme conta, adquiriu uma câmera fotográfica e no lugar das ideias deu espaço a imagens de uma Amazônia afastada das mentes do lado de fora, mas latentes aos lugares de dentro. O evento terá mediação de Diogo Bueno e participação de Bruno Portella (Coordenador de Arte Visual). Já às 14h, o Teatro Sombras realiza uma intervenção artística. 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.