Sabesp ampliará tratamento de esgoto na cidade em 65%

0
507
Previsão de conclusão é para dezembro de 2020 (Foto: Alisson Roberto/Secom Barueri)

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), iniciou obras do Coletor Dom José em Barueri. A ação permitirá que a coleta de esgoto seja enviada direto à ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) Barueri, no bairro Aldeia, ampliando a cobertura.
As imediações da Marginal Esquerda (ligação com a rua da Prata), entre as pontes Guilherme de Almeida (Castello) e Antônio Macedo Arantes foram interditadas.

A obra integra a 3ª etapa do Projeto de despoluição do Rio Tietê e vai aumentar em 62,5% o volume de esgoto tratado na cidade. Barueri tem, atualmente, 40% de seu esgoto tratado, conforme percentual registrado pela empresa de saneamento básico até dezembro do ano passado. A tendência, portanto, é que o número cresça ainda mais. E com a obra do coletor Dom José, a estimativa é de que a partir de dezembro de 2020, previsão de término da obra, Barueri alcance 65% de esgoto tratado, podendo atingir 100% até 2030.

Coletor Dom José

A obra consiste na implantação de tubulações subterrâneas, ou seja, uma linha de recalque do coletor de esgoto Dom José, na Rua da Prata, Avenida Ana Vilela, Avenida Antônio Furlan e Rua Tilápia; redes coletora de esgoto em várias ruas da Chácaras Marco, interceptor ITi-4, construção de estação elevatória de esgoto em área cedida a Barueri pela Empresa Metropolitana de Águas e Energia (Emae), além de construção de Sifão sob o rio Barueri-Mirim. A obra atenderá moradores de locais como Chácaras Marco, parte do bairro Engenho Novo, Jardim Graziela, Vila Pindorama e Jardim São Luiz.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.