HMB conta com projeto para reaproveitamento de matéria orgânica

0
163
Resíduos de frutas, legumes e verduras viram adubo e biofertilizante, que são utilizados nos arbustos, nas mudas dos jardins e no viveiro de girassóis da unidade. (Foto: Divulgação)

Unidade realiza o processo de compostagem com resíduos orgânicos gerados pela Unidade de Nutrição e Alimentação do hospital

Alinhado com a questão da sustentabilidade, o Hospital Municipal de Barueri Dr. Francisco Moran (HMB) conta com um projeto de reaproveitamento de matéria orgânica para adubo nas áreas verdes da unidade.

Para o projeto piloto foi adquirida uma composteira, com capacidade de até 200 litros, que tem compartimentos para materiais sólidos e líquidos. Os resíduos de frutas, legumes e verduras, que vêm da Unidade de Nutrição e Alimentação (UAN) do HMB, são colocados na composteira com serragem, para evitar o odor proveniente da decomposição, e com minhocas, para acelerar o processo de decomposição e otimizar a produção de húmus.

Essa compostagem gera tanto adubo quanto biofertilizante, que são utilizados nos arbustos, nas mudas dos jardins e no viveiro de girassóis do HMB.

“Todos os dias geramos quilos de resíduos e todo resíduo pode ser reaproveitado. O orgânico, por exemplo, pode virar adubo. E enxergamos a possibilidade de viabilizar essa ação aqui no HMB, devido à alta produção da nossa cozinha. E é importante pensar que com essa pequena atitude podemos contribuir para um meio ambiente mais promissor, porque diminuímos a quantidade de resíduo nos aterros” apontou Henrique Shimada, técnico ambiental do hospital e idealizador do projeto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.