Vamos falar sobre Borderline?

0
384
Foto: Pixabay

O Transtorno de Personalidade Borderline também conhecido como estados-limite,
afeta gravemente a existência da pessoa causando danos significativos, tanto a que
sofre, quanto aos que estão por perto.

A pessoa acometida por este transtorno de personalidade vive com uma sensação de
incompletude, sentimento de grande vazio, por isso há uma necessidade de sempre
ter alguém ao seu lado e isso a torna sempre dependente, algo que gera muita
angústia, por vezes não compreendida pelos demais. Também é comum viver
momentos de impulsividade, agressividade, instabilidade do humor e são muitas as
dificuldades em instituir sua subjetividade. Tudo isso leva alguns a sofrem muito com
ideação suicida outros chegam até mesmo a dar fim em suas vidas, infelizmente.

Penso que deu pra perceber o quanto chega a ser desesperador para quem enfrenta
este transtorno de personalidade, enfrentar todos estes sentimentos, emoções e mais
do que isso, administrar cada um deles.

Por isso venho falar hoje da importância que há no cuidado, paciência e acolhimento a
essas pessoas, elas não precisam de alguém que invada o seu mundo, mas que o
sustente, promovendo o amparo.

Vale ressaltar a importância de fazer terapia com um profissional de detenha deste
manejo clínico, respeitando o tempo do paciente no processo de constituição do
sujeito como ser. Aos familiares, é necessário empenho para que haja compreensão de
que não são propositais estes comportamentos e existe alguém sofrendo com tudo
isso, que precisa de cuidado. Por fim, não deixe de procurar um psicólogo, a
psicoterapia é essencial no enfrentamento do Transtorno de Personalidade Bordeline,
tanto para quem o enfrenta, quanto para a família.

Artigo da Psicóloga Camila

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.