Sarampo causa mais duas mortes na Grande SP; Barueri realiza ‘Dia D’

0
1248
Nova campanha de vacinação começou no dia 7 e vai até o dia 25 (Foto: Michela Brígida/Jornal de Barueri)

Para conter avanço da doença, além de nova campanha de vacinação, município terá ação especial dia 19

 

O sarampo continua fazendo vítimas no Estado de São Paulo. Nesta quarta-feira (9), mais três mortes em decorrência da doença foram confirmadas pela Secretaria de Estado da Saúde, duas delas na Grande São Paulo. 

Desta vez, as vítimas foram uma bebê de dez meses, de Itapevi, um homem de 53 anos, de Santo André, e um menino de 1 ano, de Francisco Morato, ambos com condições de risco. Ao todo, são 12 óbitos no Estado. 

Com o objetivo de vacinar crianças a partir de 6 meses e com menos de 5 anos que ainda não foram imunizadas, no dia 19, das 8h às 17h, será realizado o Dia D em Barueri. 

A ação acontecerá em todas as Unidades de Saúde (UBSs). Além disso, uma nova campanha de vacinação foi iniciada no dia 7 em todas as UBSs da cidade e deve seguir até dia 25. 

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, uma segunda fase da campanha deve acontecer de 18 a 30 de novembro deste ano, com o objetivo de vacinar jovens de 20 a 29 anos. O órgão ressalta que este grupo deve ter duas doses da vacina contra o sarampo no calendário.

Barueri tem 171 casos de sarampo confirmados e 272 sob investigação. No Estado são 6.177 casos confirmados, cerca de 57% deles se concentram na capital.

 

Especialista

O biológo Horácio Teles, membro do CRBio-01 – Conselho Regional de Biologia, que inclui São Paulo, destaca que uma das razões para o aumento dos casos de sarampo é a falta de preocupação da população em se prevenir contra a doença, por acreditarem que ela está sob controle. “Tende ao esquecimento, à negligência. Por isso a necessidade de programas educativos permanentes de vacinação”. 

Ainda segundo ele, a vacinação é a única forma de se proteger. “As pessoas devem se conscientizar de que não é uma doença inofensiva. Em casos mais severos, ela pode comprometer o Sistema Nervoso Central e até mesmo levar à morte”, alertou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.