URE Barueri aguarda emissão de alvará de construção para início das obras

0
2204
Previsão é de que os trabalhos sejam iniciados no 2º semestre deste ano, diz empresa responsável. (Foto: Michela Brígida/Jornal de Barueri)

As obras para a construção da Usina de Resíduos Sólidos (URE) Barueri, na Aldeia de Barueri, serão iniciadas no segundo semestre deste ano, de acordo com a Foxx-Haztec, responsável pelo projeto. O atraso para o início da obra se deve ao processo de emissão do alvará de construção, que já está em análise final pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb).

A URE Barueri será a primeira unidade de tratamento térmico de resíduos do Brasil, com capacidade para tratar 825 toneladas de lixo por dia e uma geração de 17MW. A instalação será nas proximidades da Estação de Tratamento de Esgotos de Barueri, ao lado da Estação de Pré-Tratamento de Efluentes Industriais da Attend Ambiental.

Segundo a Foxx-Haztex, o volume de energia será suficiente para abastecer 80 mil residências de Barueri. “O município passará a ser o primeiro do Brasil a adotar uma solução que contribui para a construção do “Ciclo Positivo do Resíduo”’, ou seja, que soluciona passivos ambientais, transformando o lixo em uma fonte de geração de energia renovável”, disse a empresa em nota.

Para a administração municipal, a URE trará benefícios econômicos, além de ambientais e energéticos. A solução representará à prefeitura uma economia de pelo menos 20% em relação ao que investe atualmente no tratamento do lixo fora da cidade.

A unidade irá utilizar apenas os resíduos que não forem aproveitados na coleta seletiva e reciclagem. Além do município barueriense, o empreendimento também receberá rejeitos de outras cidades do Consórcio Intermunicipal da Região Oeste Metropolitana (Cioeste).

A previsão é de que as obras sejam concluídas em 2021.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.