Tecnologia marca a volta às aulas na rede municipal de Barueri

0
800
A plataforma Google For Education está sendo implantada em toda a rede de ensino de Barueri. (Foto: Divulgação)

Os estudantes de Barueri podem esperar muitas novidades e um ensino de excelente qualidade para o ano de 2019. O início do ano letivo começa na segunda-feira (dia 4), oportunidade em que 63.822 alunos de toda a rede municipal retomam as atividades escolares.

São 44.900 estudantes matriculados nas 55 escolas de Ensino Fundamental, 8.930 nas 34 maternais, 9.282 crianças que estudarão nas 28 Emeis e 710 estudantes do programa EJA – Educação de Jovens e Adultos.

Para divulgar as boas novidades, detalhes sobre o calendário escolar e a distribuição dos kits de material e uniformes escolares, todos os pais e responsáveis pelos alunos participarão de reuniões nas unidades de ensino ao longo deste sábado (dia 2).

Rumo ao universo da tecnologia
Neste mês de fevereiro, a Secretaria de Educação inicia atividades que integram importante jornada rumo ao universo da tecnologia educacional. Trata-se do Google For Education, plataforma de aprendizagem que está sendo implantada em toda a rede de ensino de Barueri.

O projeto garante que todos os alunos tenham acesso ao que se tem de mais avançado em tecnologia educacional, com metodologias de ensino iguais às melhores escolas dos Estados Unidos e da Europa.

Todas as escolas terão sistema de internet para uso educacional, aproveitando todos os recursos disponíveis na rede e tudo monitorado para que não seja acessado nada indevido ou impróprio.

Já no início deste mês de fevereiro, os professores da rede passarão por formação com a equipe do Google, contratada pela Prefeitura para orientar todo o trabalho a ser realizado. Os alunos irão utilizar Chromebooks, computadores desenvolvidos especificamente para a sala de aula, controlados e orientados pelos professores.

Os computadores só funcionam na escola, acessam somente o que o professor permitir e são bloqueados imediatamente se algum aluno tentar usar algo não permitido. Todos são monitorados contra furto, sendo possível encontrá-los se retirados da escola através de microchip, o que também impossibilita o ligamento fora da unidade de ensino.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.