Prefeitura de Barueri registra aumento significativo de pessoas nas ruas mesmo na quarentena

0
968
De acordo com Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana, cerca de 80% da população aderiu ao isolamento nos primeiros dez dias. (Foto: Divulgação/Secom Barueri)

Especialista destaca a importância de ficar em isolamento social para conter o avanço da Covid-19

 

Uma empresa de tecnologia, a In Loco, como forma de ajudar no combate ao novo coronavírus (Covid-19), criou o Índice de Isolamento Social. Trata-se de um mapa que mostra o percentual, por estado, da população que está respeitando a recomendação de isolamento.

No Estado de São Paulo, epicentro da doença, 49,6% da população está em quarentena. O dado é de terça-feira (7). A porcentagem vem caindo com o passar dos dias. Na segunda (6), por exemplo, era 50,5%. De acordo com o médico infectologista David Uip, a adesão ideal para controlar a disseminação é de 70%.

Em Barueri, segundo relatos de moradores, muitas pessoas ainda são vistas nas ruas, mesmo com a recomendação de isolamento social. “Aqui no Parque Viana não tem quarentena. O povo está na rua e o comércio aberto”, disse uma moradora nas redes sociais do Jornal de Barueri.

À reportagem, a Secretária de Segurança e Mobilidade Urbana, Regina Mesquita, informou que, nos primeiros dez dias de isolamento, cerca de 80% da população aderiu a medida. “Após este período, percebemos um aumento significativo do número de pessoas circulando nas principais ruas e avenidas do município, com os mais variados motivos”, explicou.

A secretaria da pasta destacou ainda que “no tocante aos estabelecimentos comerciais da cidade, a Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana continuará, de maneira incansável, a fiscalizar o fiel cumprimento das medidas adotadas”, concluiu.

 

Especialista

Marcos Vinícius da Silva, médico do Centro de Referência em Imunobiológicos Especiais do Instituto de Infectologia Emílio Ribas Médico, reforça que o isolamento social é de grande importância no momento.

“O isolamento vertical não funciona nessa situação em que vivemos. Quando você isola uma pessoa de 70 anos e libera os outros membros da família que moram com ele, um desses, ao voltar de suas atividades, pode trazer consigo o vírus e fazer a transmissão”, disse.

Ele explica ainda que o ideal é sair o mínimo possível. “Se precisar sair, mantenha distância mínima de um metro entre pessoas e use máscara”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.