Os prefeitos de Barueri, Rubens Furlan (PSDB), e de Santana de Parnaíba, Elvis Cezar (PSDB), cobraram nesta segunda-feira (25) o governo do estado para que resolva o impasse com a concessionária para a duplicação da rodovia Castello Branco, entre os quilômetros 22 e 26, além da quarta faixa até o 32.

A reivindicação foi externada durante visita do vice-governador Marcio França (PSB), que representou Geraldo Alckmin (PSDB), na inauguração da Via Parque. A presença de Alckmin era esperada, mas houve uma mudança na agenda.

França deve assumir o comando do estado em abril do próximo ano, quando o tucano deve deixar o cargo para disputar à presidência.

“Eu sei que é um pouco complicado, mas não tem demanda de dinheiro do estado, é um entendimento com a concessionária, prorroga um pouco o tempo da concessão e eles fazem o investimento”, disse Furlan. “Não sei quanto custa isso, mas é um investimento absolutamente necessário, não só para a região, para o Brasil, imagina quantos empregos essa obra não vai gerar”, enfatizou.

Ele pediu a França que intermediasse a audiência com o governador para sensibilizar Alckmin. Elvis enfatizou a importância econômica de Barueri e de Santana de Parnaíba ao enfatizar o problema que tem ocorrido com o impasse sobre a obra. “É um pleito. O governador tem ciência e tenho certeza que vamos ter essa atenção do governo do estado”.

França alegou que a situação ainda não foi resolvida, pois depende do aumento do prazo de concessão da empresa. O Tribunal de Contas do Estado (TCE) questionou a legalidade da medida, o que levou ao impasse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.