Mesmo sem óbitos por dengue, Barueri já soma 82 casos confirmados

0
193
Prefeitura convoca população para o combate do mosquito Aedes aegypti. (Foto: Divulgação)

Dados do Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo (CVE) apontam que Barueri somou, até o dia 17 de junho, 82 casos confirmados de dengues, sendo 51 autóctones e 31 importados. Apesar de não ter nenhum óbito registrado na cidade neste ano, a Prefeitura faz um alerta para que a população ajude no combate de criadouros do mosquito Aedes aegypti.

De acordo com a coordenadora da Vigilância em Saúde de Barueri, Rosana Ambrogini, a colaboração e cuidado do morador são sempre fundamentais. “É responsabilidade legal dos moradores manterem suas casas limpas e sem recipientes com água parada. Nos condomínios essa ação deve ser gerenciada pela administração para manter os imóveis limpos, áreas coletivas em condição organizada e sem criadouros”, explicou.

Como o mosquito não respeita limites, imóveis ou de municípios, o Governo do Estado de São Paulo e os municípios escreveram e pactuaram o Plano de Contingência Estadual contra Arboviroses Urbanas (Dengue, Zika, Chikungunya e Mayaro). O documento organiza e direciona as ações de todos os serviços de saúde e colaboradores de todas as áreas que podem interferir com a proliferação dos mosquitos e atendimento a pessoas doentes em caso de uma epidemia.

A Prefeitura atua regularmente também fazendo como uma “Zeladoria Urbana”, ou seja, atua de forma integrada para o ordenamento urbano através de suas várias secretarias conforme suas atribuições distintas. Atua regularmente por todo o município fiscalizando e promovendo limpeza urbana, capinagem, manutenção e poda de árvores em ruas, praças e próprios públicos. Recebe denúncias, fiscaliza e notifica proprietários de imóveis abandonados para que procedam capinagem e limpeza de seus imóveis.

Denúncia

Casos moradores verifiquem um imóvel em condições inadequadas, ele pode anotar o endereço e denunciar para a Secretaria de Recursos Naturais e Meio Ambiente – SEMA (4199-1500). Para problemas com mato, lixo e entulho em locais de uso público, praças, calçadas e passeios públicos deve encaminhar queixa para Secretaria de Serviços Municipais (4162-7300).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.