Lançada em Barueri a Campanha Corrente do Bem 2019

0
275
A campanha, em prol da AACD, vai até julho. Qualquer pessoa pode participar. (Foto: Divulgação)

“Todos os dias a gente tenta fazer a nossa cidade ser melhor em todos os aspetos. A solidariedade tem que ser praticada sempre”. O desejo da presidente do Fundo Social de Solidariedade de Barueri, Sônia Furlan, deu o tom ao lançamento da Campanha Corrente do Bem em prol da AACD. O evento aconteceu no CAP (Centro de Aperfeiçoamento de Professores) nesta sexta-feira (dia 26) e contou com a presença maciça de servidores da Educação, representantes do poder público e voluntários da Associação de Assistência à Criança Deficiente.

Sônia Furlan explicou que nos outros países, cerca de 50% da população pratica atos de solidariedade e que no Brasil esse percentual é de 15%. “Vocês são multiplicadores! Chamem de solidariedade, responsabilidade social ou consciência, o importante é que façamos o nosso melhor todos os dias. Peço que vocês não se esqueçam o que esta instituição significa”. A presidente do Fundo Social, que lidera a Campanha Corrente do Bem, revelou que tem orgulho de Barueri “ser a única cidade que através do poder público se mobiliza para ajudar uma instituição que não está no município” e justificou que a AACD e o Graacc são indispensáveis, pois são as únicas que fazem esses trabalhos.

Sensibilização
Adriana Bueno Molina, secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, deu um depoimento pessoal dizendo que seu filho faz tratamento na AACD: “minha família pode pagar, mas o tratamento é igual para quem não pode. Só quem frequenta sabe o quanto é importante o trabalho que a AACD faz”.

Felipe Ventura, voluntário da AACD que participa da Corrente do Bem desde que tinha 8 anos e todos os anos vai ao Teleton levar o resultado de seu trabalho, contou sua história com a instituição. Ao lado de seus pais, Débora e Francisco Ventura, que além de voluntário é conselheiro, ele relatou como ano a ano conseguiu aumentar sua arrecadação pessoal, chegando a ultrapassar 300 mil reais.

A mãe de Lamiss Hayssam Taglebi, Hassana Youssef Anaka, deu um depoimento emocionado sobre o tratamento de sua filha na AACD. Libanesa, sem falar perfeitamente a língua portuguesa, ela contou que a filha nasceu prematura, fez cirurgias na AACD e recentemente conseguiu realizar seu grande sonho de ser bailarina e dançar como todas as outras crianças: em pé.

Representando a AACD estavam Adriana Magalhães, gerente de relações institucionais, e Taisa Pelucio, coordenadora da captação de recursos.

Serviço
A Campanha Corrente do Bem em Barueri vai até julho. Qualquer pessoa pode participar. 1.682 cofres estão espalhados pela cidade. Para saber mais, ligue para a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (Sads). O telefone é 4199-2800, ramal 170.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.