Há dois meses, Barueri não registra casos de homicídio e latrocínios 

0
3032
Agentes da GCM na base da alameda Rio Negro. Foto: Michela Brigida
Além disso, município teve queda no número de furtos de veículos subtraídosconforme a Secretaria de Segurança da cidade
Na sexta-feira (27), o Governo do Estado apresentou os índices de criminalidade de agosto, com dados que mostram a redução de crimes. A capital paulista terminou o último mês com queda nos casos de homicídios (assassinatos) e latrocínios (roubo seguido de morte). As mortes intencionais recuaram 23,08%, passando de 52 para 40, se comparado o oitavo mês de 2018, com o mesmo período deste ano.
Seguindo a tendência, Barueri não registrou nenhum caso de homicídio doloso na cidade em julho e agosto. O mesmo dado vale para os latrocínios, que não só não anotou nenhuma ocorrência nos últimos dois meses, como no ano todo.   As informações foram levantadas pela reportagem junto à Secretaria do Estado da Segurança Pública (SSP). Neste mesmo período do ano passado, julho e agosto, a cidade havia registrado três homicídios e um latrocínio.

Furtos de veículos
O Estado de São Paulo também anotou uma redução em furtos de veículos. Em agosto, a quantidade passou de 8.561 para 7.904, ou seja, 657 a menos. É a primeira vez que o indicador fica abaixo de 8 mil ocorrências no período.
O número de veículos furtados também está em queda em Barueri. Segundo dados do SSP, em agosto, foram registrados 28 casos ante 42 do mês anterior. A diminuição foi de 33,3%. Se comparado com o mesmo período do ano anterior, a redução é ainda maior, mais precisamente, 52,54%. Isso porque em agosto de 2018, 59 carros veículos foram furtados.

“Ainda temos muito trabalho”, diz Secretária
Em entrevista ao JB, a Secretária de Segurança e Mobilidade Urbana de Barueri, Regina Mesquita, disse que resultado positivo se dá por vários fatores, entre eles, as operações integradas com a Polícia Militar e ações da GCM nos três períodos. “Além de zerar os homicídios em julho e agosto, também reduzimos neste mês os casos de roubo e furto e veículos. Nós ainda temos muito trabalho a ser feito. Monitoramos  diuturnamente porque onde houver maior índice de criminalidade a gente monta nossas operações em torno disso”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.