Escola de Teatro Bolshoi seleciona moradora de Barueri para Curso de Dança

0
172
Keila Villani, bailarina selecionada pela prestigiada academia de ballet (Foto: Michela Brígida/ Jornal de Barueri)

A moradora do bairro Aldeia da Serra, em Barueri, Keyla Villani Palomo, de 10 anos, foi uma das 20 bailarinas selecionadas pela Escola de Teatro Bolshoi em Joinville/Santa Catarina.

Em fevereiro de 2019, a jovem inicia os estudos no Curso de Dança Clássica na única e primeira extensão do Teatro Bolshoi da Rússia, referência mundial em ballet.

Após ser aprovada na pré-seleção da escola, que aconteceu em abril deste ano no Teatro Municipal de Barueri, por meio de uma parceria com a Secretaria de Cultura e Turismo do município, Keyla passou por outra seletiva entre os últimos dias 19 e 21 de outubro, na sede do Teatro Bolshoi no Brasil. Além dela, participaram cerca de 800 crianças, de 22 estados de todo país, Distrito Federal e da Argentina.

No local, a bailarina passou por avaliações médicas, testes físicos, de flexibilidade, assimilação coreográfica, entre outros. “ As audições eram fechadas, só entre os candidatos e os avaliadores. Não podíamos assistir nada. Ficávamos só na expectativa”, conta Karina Lorely, mãe de Keila.

Com o resultado, que foi divulgado ainda no domingo (21), a família está se planejando logisticamente para a mudança da bailarina à Joinville no próximo ano, onde poderá ficar por até oitos anos em formação com a bolsa de dança. “ Ela estudará normalmente de manhã e terá que continuar com boas notas para participar das aulas de dança a tarde na Escola de Teatro Bolsho”, explica Lorely.

Futuro
Keila atualmente pratica ballet na Obra e Arte- Escola de Dança, localizada no bairro Aldeia da Serra, espaço que a ajudou no preparo para as avaliações. “O sonho dela é ser bailarina, ela vive a dança. As expectativas são altas, ela pretende virar uma profissional do Bolshoi e viajar o mundo”, finaliza orgulhosa a mãe.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.