Em 2018, Barueri reduziu taxa de homicídio em mais de 64%

0
139
A Guarda municipal realiza ações intermitentes em toda a cidade­ (Michela Brígida/Jornal de Barueri)

Dados da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP), divulgados no fim do mês passado, demonstram que o município de Barueri reduziu as ocorrências de homicídio em cerca de 64,2% em 2018, na comparação com o ano anterior. O número de casos registrados nas delegacias da cidade passou de 28 para 10.

Com o resultado, o município atingiu a menor taxa de homicídios de sua história. O índice desse tipo de ocorrência para cada 100 mil habitantes ficou em 3,81. Até então, o recorde era de 5,52, registrado em 2010, de acordo com administração municipal.

A taxa barueriense está abaixo do índice do Estado (6,7), da Capital (5,72) e da Grande São Paulo (7,35). O cálculo do número de homicídios por 100 mil habitantes é utilizado por organismos internacionais para medir o grau de violência de uma localidade (acima de 10 é considerado “epidemia”).

Além da taxa de homicídio, o município apresentou também uma redução de quase 18% nas ocorrências de roubo de carga, que passaram de 89 casos para 79, entre os anos de 2017 e 2018. As ocorrências de estupro também apresentaram uma redução, passando de 97 ocorrências para 83 no período listado, uma diminuição de 14,4%.

Já os casos de roubo de veículo tiveram um aumento de 6,5 % passando de 153 casos para 163. Os furtos também cresceram, passando de 1.984 para 2.029, alta de cerca de 2,2%.

O número de veículos roubados recuperados na cidade de Barueri teve uma alta de 19% no ano passado. Aproximadamente 299 proprietários tiveram os seus pertences de volta em 2018, ante os 251 de 2017.As prisões também tiveram um salto na cidade, passando de 903 para 960 nos últimos dois anos, alta de 6,3%.

Ações
De acordo com a Prefeitura, a Guarda Municipal segue com ações intermitentes em toda a cidade. Somente na primeira quinzena do ano, os agentes realizaram diversas operações de saturação e bloqueios nas áreas que apresentam maior taxa de ocorrências. Os bairros e comunidades foram patrulhados com o objetivo de coibir o tráfico de drogas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.