DataLab da Serasa Experian abre inscrições para o programa de estágio de verão

0
124

O DataLab, laboratório de inovação da Serasa Experian, abriu inscrições para o SummerLab 2019, estágio de verão com duração de três meses para estudantes regularmente matriculados em cursos de graduação ou pós-graduação em instituições brasileiras de ensino. As inscrições estão abertas até 30 de novembro pelo link. O SummerLab 2019 acontecerá em São Paulo Capital, mas estudantes de todo o país podem se inscrever.

“Foram as férias mais produtivas e divertidas que já tive. Especialmente por eu ser de outro estado, ter ido para São Paulo para participar do estágio de férias significou um grande crescimento profissional e pessoal. Conheci pessoas incríveis, fui presenteada com um desafio instigante e aprendi muito com todos do DataLab”, conta Carlla Martins, estagiária da última turma do SummerLab e estudante do curso de Engenharia da Computação da Universidade Federal do Amazonas (UFAM).

De janeiro a março de 2019, os quatro estudantes escolhidos poderão vivenciar o cotidiano de um cientista de dados e desenvolver um projeto estratégico de tecnologia, aplicando técnicas de inteligência artificial, machine learning ou Internet das Coisas, sob a orientação de cientistas e engenheiros de dados do DataLab.

“O SummerLab é uma grande oportunidade para a integração e a troca de experiências entre estudantes e profissionais experientes em tecnologia e inovação. Esperamos conhecer universitários motivados e interessados em aproveitar as férias para aprender muito conosco ”, convida Marcelo Pimenta, diretor do DataLab da Serasa Experian.

Uma nova oportunidade

Além da experiência imersiva no universo de inovação, desenvolvimento e análise de dados durante as atividades do estágio, os participantes de destaque do SummerLab podem receber um convite para integrarem a equipe do DataLab.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.