Comissão da Câmara determina que municípios ofereçam aplicativo para transporte público

0
941
A proposta determina que os cidadãos tenham acesso a aplicativos que informem sobre o serviço – as linhas disponíveis, os respectivos horários, a localização dos veículos e o tempo estimado para embarque. (Foto: Divulgação)

Nesta semana, a Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados aprovou um projeto de lei que altera a Política Nacional de Mobilidade Urbana  para dispor sobre a transparência e a participação social no controle da qualidade do transporte público.

Entre outras medidas, a proposta do deputado Ivan Valente (Psol-SP) determina que os cidadãos tenham acesso a aplicativos que informem sobre o serviço – as linhas disponíveis, os respectivos horários, a localização dos veículos e o tempo estimado para embarque – e permitam a avaliação popular (pontualidade, qualidade e cordialidade), a fim de que os resultados dessa pesquisa sejam considerados para eventual subsídio tarifário.

Essas medidas serão obrigatórias para os municípios acima de 50 mil habitantes, conforme a emenda da relatora.

Entre outros pontos, a proposta prevê ainda que os usuários dos serviços terão o direito de ser informados, em linguagem acessível e de fácil compreensão, sobre os fundamentos de decisão do poder público sobre reajuste ou revisão de tarifas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.