Com 13 casos confirmados, Barueri enfrenta sarampo com ações e bloqueios

0
1994

Vigilância em Saúde do município não descarta surto da doença e destaca a importância da vacinação

 

A Prefeitura de Barueri montou uma força-tarefa na cidade para conter o avanço do Sarampo. Já são 13 casos confirmados da doença, três só nesta semana.

De acordo com a administração municipal, outros 20 casos estão em investigação no momento e não está descartado um possível surto. Há 29 anos, Barueri não registrava um caso de sarampo na cidade. Como há muito tempo não tínhamos registro de casos de Sarampo, já consideramos que temos um surto. Cinquenta mil vacinas foram disponibilizadas pelo Governo do Estado para esta campanha, explicou a coordenadora de Vigilância em Saúde de Barueri, Rosana Ambrogini, ao Jornal de Barueri. Ainda segundo ela, o motivo da volta da doença é a diminuição da adesão às vacinas pela população. Esta preocupação, em relação às campanhas de vacinação, está cada vez menor entre as pessoas. Antigamente, quando tínhamos uma ação, as filas eram enormes nos postos. Hoje, não vemos mais isso.

Diferentes ações serão feitas na próxima semana: na segunda-feira (29) e na terça-feira (30), das 17h às 19h30, haverá vacinação no terminal de ônibus do Jardim Silveira. Os profissionais de saúde também vão imunizar os alunos dentro dos ITBs e nas unidades da Fieb. A previsão é que mais de oito mil alunos sejam imunizados. Além disso, as 18 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da cidade imunizam normalmente durante toda a semana em seus horários de funcionamento. A vacina contra sarampo é destinada para pessoas entre 15 e 29 anos, faixa etária prioritária da campanha.

A Vigilância de Saúde também está realizando ações de bloqueio, ou seja, vacina pessoas com suspeita da doença, seus familiares e até o local de trabalho. Só nestas iniciativas já foram aplicados mais de três mil imunobiológicos. Já tivemos casos positivos em prédios residenciais, em empresas e fomos até lá vacinar os funcionários. Estamos fazendo ações quase que diariamente. Por isso, a principal recomendação é se vacinar. Esta é a melhor arma para combater a doença

Vacinação

Para se vacinar, é necessário levar a caderneta de vacinação. A imunização não é recomendada para gestantes e pacientes oncológicos. É considerado vacinado o indivíduo que comprovar o recebimento de duas doses com componentes do sarampo.  

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.