Carlinhos do Açougue diz que sofre perseguição por apoiar Furlan

0
1769

Em tom de desabafo, o presidente da Câmara de Barueri, Carlinhos do Açougue (DEM), disse nesta terça-feira (29) que o legislativo tem sido perseguido por conta da negativa do vereador em ‘financiar’ projetos contra o prefeito Rubens Furlan (PSDB).

O democrata reclamou de críticas publicadas nas redes sociais contra a Casa de Leis e também contra a gestão. “Fico irritado com o que ficam fazendo com o prefeito Furlan. Querem que o governo naufrague, falam que defendem a população, mas de que jeito? Querem se beneficiar, que o prefeito dê emprego”, disse o vereador.

Carlinhos disse que irá se reunir com Furlan para debater a situação e, durante a fala, afirmou ter sido procurado e que cobraram um apoio financeiro a iniciativas que atacam o gestor.

“Tentaram se aliar comigo, para eu bancá-los e ir contra o governo, não faço isso, não dou tiro em pessoas que estão do meu lado, não faço traição nunca, com ninguém”, afirmou. “Como não me aliei com eles, ficam perseguindo”.

Irritação

A irritação do democrata começou ao ter sido chamado de ‘bandido’ por um internauta e por questionamentos sobre as licitações. O parlamentar tem enfatizado que o legislativo economizou R$ 12 milhões neste ano.

Carlinhos foi opositor de Furlan no passado, quando em 2012 houve a divisão entre os grupos políticos com a chegada de Gil Arantes (DEM) à prefeitura. No entanto, no ano passado, os partidos se uniram em torno do nome do atual prefeito. Furlan não se opôs à candidatura do democrata à presidência da Casa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.