Câmara de Santana de Parnaíba cassa Doutor Rogério

0
812

Após uma novela que durou praticamente um ano, a Câmara de Santana de Parnaíba cassou nesta sexta-feira (1º) o mandato do vereador Doutor Rogério (PC do B). Os parlamentares aprovaram o relatório enviado pela comissão processante que considerou que houve quebra de decoro do parlamentar, acusado de ter mantido funcionários fantasmas. 

O vereador diz sofrer perseguição política por fazer oposição na cidade e que as servidoras trabalharam para seu gabinete. Quatro vereadores não compareceram: Amâncio Neto (PSDB), Pastor Ebenezé de Paula (PSC) e Magno Mori (PSB), além do próprio Rogério. Ângelo da Silva (PROS) foi o único a votar contra.

O processo seria julgado na terça-feira (28), mas o vereador conseguiu uma liminar que suspendeu o processo. A Câmara recorreu e uma nova sessão estava marcada para sexta-feira (1º).

“Depois de ouvidas as testemunhas, considerando tanto a acusação quanto a defesa do Vereador, a Comissão Processante deu um parecer unânime entendendo que ficou caracterizado ato de quebra de decoro”, afirmou a vereadora Sabrina Colela (PSC), presidente da Comissão Processante. Rogério foi acusado de ter mantido funcionários fantasmas em seu gabinete, o que ele nega. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.