A deputada Bruna Furlan (PSDB-SP) está em Buenos Aires onde participa do Encontro de Parlamentares Latino-Americanos: Legislação para combater o Terrorismo, promovido pela Associação Mutual Israelita Argentina (AMIA) e o Congresso Judio Latino-Americano, que recorda os 23 anos do atentado terrorista que matou 85 pessoas e deixou mais de 300 feridos no ataque à Embaixada de Israel, em 17 de março de 1992, que matou 22 pessoas e feriu 242.

“Estamos aqui para discutir formas de combater o terrorismo que é um fenômeno transnacional e que cobra cooperação e coordenação entre os países. Além disso, viemos expressar a nossa solidariedade com o povo argentino por conta desta tragédia e do atentado de 1992”, explicou Bruna, presidente da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional (CREDN), da Câmara dos Deputados.

Emilio Monzó, presidente da Câmara de Deputados, e o chefe de gabinete do presidente Mauricio Macri, Marcos Peña, receberam os parlamentares.

Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.