Barueri estende período de vacinação contra febre amarela

0
1621
Dose está disponível em sete unidades básicas de saúde Foto: Rodrigo Albertini/JB

Nesta sexta-feira (12), a Secretaria Estadual da Saúde informou que subiu para 21 o número de mortes por febre amarela silvestre no Estado. Os dados são registrados desde janeiro de 2017.

O Ministério da Saúde confirmou na quinta-feira (11) que enviará doses da vacina fracionada, que vale por 9 anos, para municípios do País considerados de risco para a doença, o que não é o caso de Barueri. Na cidade, prossegue a campanha de vacinação (veja box com as UBS´s abaixo), iniciada em 2017 com dose padrão, onde não é preciso a atualização.

As vacinas estão sendo disponibilizadas nas seguintes Unidades Básicas de Saúde (UBS), que, inclusive, compõem os chamados bairros prioritários:
UBS João de Siqueira – Jd. Reginalice
UBS Pastor José Roberto Rossi – Jd. Califórnia / Vila Ceres
UBS Armando Gonçalves de Freitas – Pq. Imperial / Mutinga
UBS Raquel Sandrini Ruela – Jd. Maria Helena / Votupoca
UBS Maria Francisca de Melo – Pq. Viana / Votupoca
UBS Hélio Berzag – Jd. Paulista / Votupoca
UBS Vince Nemeth – Jd. Audir / Silveira

A doença
A doença é causada pelo vírus da febre amarela e é transmitida pela picada de um mosquito fêmea infetado. A febre amarela é transmissível apenas a seres humanos, outros primatas e várias espécies de mosquitos.
Nas cidades é transmitida principalmente por mosquitos da espécie Aedes aegypti. Desde 1.942 não há óbitos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.