Barueri dá início à elaboração do projeto do Hospital Regional

0
1036
Primeira reunião aconteceu na terça-feira (17) com secretários, técnicos da Secretaria de Estado da Saúde e agentes do Corpo de Bombeiros (Alissom Roberto/Secom Barueri)

Equipamento, em parceria com o Estado, ficará no Jardim Paulista e vai atender mais de 1,8 milhão de habitantes

O prefeito Rubens Furlan se reuniu nesta terça-feira (17) com representantes da administração pública e do Estado para a primeira reunião do projeto do Hospital Regional em Barueri, que começará a ser construído em março de 2020, no Jardim Paulista. O equipamento, que será feito em parceria com o Estado, irá atender mais de 1,8 milhão de habitantes de sete municípios: Barueri, Santana de Parnaíba, Osasco, Carapicuíba, Jandira, Itapevi e Pirapora do Bom Jesus.

No encontro estiveram presentes secretários municipais, como Roberto Piteri (Obras), Nilton de Souza (Planejamento e Urbanismo), Marco Aurélio Toscano (Negócios Jurídicos), Tazio Gomiero (Comunicação), técnicos das secretarias de Obras, Meio Ambiente e Saúde, da Secretaria de Estado da Saúde e oficiais do 18º Grupamento de Bombeiros.

“Foi algo inédito reunir todas as pessoas de um projeto. A presença dos Bombeiros foi importante, pois eles já acompanhando a parte de elaboração, conseguiremos atender, já de imediato, todas as exigências do órgão. A ideia é que isto saia 100% logo de início”, disse o prefeito Rubens Furlan.

O gestor destacou ainda que o hospital será de alta complexidade e atenderá pessoas com doenças, como de coração, câncer. “Isso vai ajudar muito os moradores pois, normalmente, quando eles precisam de um tratamento específico, eles acabam buscando hospitais em São Paulo, e agora este deslocamento será evitado.”

Infraestrutura

O Hospital Regional de Barueri terá 35 mil metros quadrados, 320 leitos, 50 de UTI, oito salas cirúrgicas e capacidade para 580 intervenções e 1.100 internações mensais. O investimento será de R$ 190 milhões, sendo R$ 140 milhões feitos pelo Estado e R$ 50 milhões da prefeitura. “A entrega deve acontecer de março a dezembro de 2022. A manutenção será feita pelo Estado e será o hospital mais moderno da região”, revelou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.