Além do Olhar: campanha preventiva inicia nova etapa na rede de ensino

0
57
Os professores participaram de um treinamento de capacitação para, em sala de aula, identificarem a presença de alunos com alterações oculares. (Foto: Divulgação)

O mau desempenho escolar pode estar ligado a alguma dificuldade de enxergar o que está escrito na lousa, por exemplo.  Há casos em que os pais nem imaginam que o seu filho necessite do acompanhamento de um especialista. Sabendo dessa importância, a Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SDPD) em parceria com as frentes de Saúde, Educação e Assistência e Desenvolvimento Social, deu início a mais uma edição do programa Além do Olhar, que tem o objetivo de acompanhar a saúde visual de crianças da rede municipal de ensino.

A primeira etapa do programa aconteceu entre os dias 9 e 11 de abril no CAP (Centro de Aperfeiçoamento de Professores), onde os professores participaram de um treinamento de capacitação para, em sala de aula, identificarem a presença de alunos com alterações oculares.

O treinamento foi conduzido pela pedagoga Elaine Caetano, habilitada em deficiência visual e intelectual. Ela apresentou a palestra “A importância sobre tratar problemas visuais” e mostrou a relevância de elementos que devem ser levados em conta no momento em que o educador se depara com casos de alunos que necessitem de acompanhamento. Assim como detectar precocemente alterações visuais nos estudantes em processo de aprendizagem, orientar e encaminhar os casos suspeitos de alterações para avaliações, entre outras especificidades.

“A campanha está embasada nos princípios da cidadania. É uma ação concreta e atuante da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência pautada na importância da formação preventiva do cidadão, relativas às causas da cegueira e maneira de evita-las”, destaca uma das responsáveis pelo programa, Solange Lança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.