Obra teve o custo de R$ 29 milhões, segundo o governador (Foto: Serginho Gobatti/Secom)

Governador esteve em Osasco e afirmou que obras entre Jandira e Osasco estarão terminadas até 2018

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) esteve nesta quarta-feira (16) em Osasco para a inauguração do terminal do Km 21, no limite com Carapicuíba, e afirmou que as obras do Corredor Oeste devem ser concluídas até o final do ano que vem em mais dois trechos.

O terminal, com custo de R$ 29 milhões, atenderá principalmente as cidades de Carapicuíba e Osasco e é integrado a estação General Miguel Costa, da linha 8 da CPTM. Serão 52 linhas.

Segundo a gestão, agora serão autorizadas as obras na sequência do Corredor Oeste, projeto que tem sofrido com idas e vindas. Trechos que foram feitos ainda estão sem uso e outros ficaram abandonados.

O corredor metropolitano prevê a saída de Itapevi, ligando Jandira, Barueri, Carapicuíba e Osasco até São Paulo.

Tucano esteve na cidade nesta quarta (16) (Foto: Serginho Gobatti/Secom)

Recursos 

“O trecho Jandira à Carapicuíba, com cobertura do terminal de Carapicuíba e da estação Barueri, e acabamento em nove paradas de embarque de desembarque, estamos autorizando o edital e em seguida assinaremos o contrato R$ 45 milhões”, afirmou o governador.

Ele prevê a entrega deste trecho para março de 2018, enquanto o lote 4 seria para o decorrer do próximo ano.

“Veja que estamos entregando uma obra de R$ 29 milhões, mas só neste edital serão R$ 45 mi. E o lote 4 que é a conclusão do viaduto Carapicuíba, as alças de acesso e mais duas paradas, mais R$ 66,5 milhões. Vai dar R$ 107 milhões que estamos autorizando para o corredor”. O governador também citou a obra de reforma do terminal da Vila Yara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.